WOMAN IN CHAINS - O SOM DA LIBERDADE NA MÚSICA DO TEARS FOR FEARS.

quarta-feira, setembro 28, 2011 Marcos H. de Oliveira 0 Comments


O Tears for Fears fez tanto sucesso no Brasil, na década de 80, que ganhou o carinhoso apelido de "Tias Fofinhas"Roland Orzabal (voz e guitarra) e Curt Smith (voz e baixo) faziam um rock eletrônico com influências do New Wave, do Techno, do Blues e até mesmo Jazz. Uma fórmula que resultou em 20 milhões de discos vendidos mundialmente.

Você não vai encontrar apenas "letrinhas açucaradas" na composição do Tears for Fears. Orzabal inspirou suas letras na Teoria do Grito Primal do psicólogo e psicoterapeuta americano Arthur Janov. Neste modelo de terapia, o paciente é encorajado a reviver e a expressar seus sentimentos básicos, aqueles que podem ter sido reprimidos. Janov tratou, por exemplo, de John Lennon e Yoko Ono.  O sucesso Shout (grite) é a melhor expressão desta influência.

Porém, escolhi "Woman in Chains" para esta tradução porque, além de ser linda e perfeita, representa a transição da banda para um som mais elaborado e maduro. A canção chegou a virar uma espécie de Hino não-oficial sobre os direitos da mulher, abuso doméstico, etc. Para ouvir e procurar mais.

 

Fonte:
Tears for Fears

Curtiu? Então comente e compartilhe nas Redes Sociais!

0 comentários: