12 CONTOS - MARÇO

sexta-feira, março 18, 2011 Marcos H. de Oliveira 2 Comments


O Artic Warfare Magnum, Police Model (AWP) é um rifle com certeza de disparo alta, mas de velocidade lenta. Isso quer dizer que, assim que o gatilho é apertado, a bala de 16.2 gramas faria uma trajetória lenta e implacável até o seu alvo. O impacto é maior do que uma pata de elefante sobre o peito. De marzo* sorriu, passando a mão pelos cabelos vermelhos. Era isso que ela queria. Que ele sofresse.

O primeiro disparo foi no pé direito. Foi como esmagar uma laranja. O corpo se contorceu em parafuso e, com a perda da gravidade, foi ao chão. Eu te amo. De marzo, engatilhou novamente. Ficaremos sempre juntos. Ela fechou o olho direito, aguçou a mira telescópica e prendeu a respiração. Seremos felizes para sempre. Bam.

Desta vez, o tiro acertou a coxa esquerda, resultando em um esguicho vermelho que espirrou alto. Guerras são entre pessoas, não máquinas. Argumentos são para diplomatas, não para soldados. De marzo afastou o rosto da arma por um momento para enxergar o cenário, apreciar o momento. O alvo era uma máscara de dor. Seu rosto abandonou toda aquela beleza natural que um dia fez De marzo se entregar com uma facilidade que surpreendeu até ela mesma. Um coitado agora. Algo digno de pena, talvez. De pena? De marzo retirou o anel dourado de seu dedo anular. Engatilhou mais uma vez.

Nada é mais sincero do que uma guerra. Nada é mais mentiroso também. Quem sabe, o amor. Finalmente, De marzo entendeu o clichê. Se tudo vale, então que a vingança seja servida, entre no contexto. O terceiro tiro acertou o dorso que explodiu como um balão de gás. Um efeito de câmera lenta revelou os detalhes, espalhando ossos e órgãos de um corpo sem vida pelo ar. De marzo franziu a testa em sinal de descontentamento. Rápido demais.  Deveria ter escolhido um revolver. Uma criança entrou correndo pela sala:

- Tia, posso jogar com você?, a menina perguntou.
- Não, De marzo respondeu. O jogo acabou.

* De marzo é o mesmo que Março em espanhol. O nome "março" surgiu na Roma Antiga, quando era o primeiro mês do ano e chamava-se Martius, de Marte, o deus romano da guerra. Em Roma, onde o clima é mediterrânico, março é o primeiro mês da primavera, um evento lógico para se iniciar um novo ano, bem como para que se comece a temporada das campanhas militares.

Fontes:

Agradecimento especial para Karina Perussi que enviou a foto original para ilustração deste conto e faz aniversário hoje. Valeu e parabéns, Karina!

2 comentários: